Para se diferenciar, é preciso ter liberdade de errar

A Ticket tem investido nos últimos anos em projetos que ampliam sua área de atuação e trazem novidades tecnológicas

Por Elisa Campos

“Para inovar, é preciso criar um ambiente que permita o acerto e o erro”. Esse é um dos segredos para fomentar a inovação nas palavras de Gustavo Chicarino, diretor de marketing , estratégia e desenvolvimento de novos negócios daTicket. A companhia foi uma das ganhadoras do prêmio As Empresas Mais Inovadoras do Brasil, realizado na noite de terça-feira (07/07), pela Época NEGÓCIOS.

Premiada com destaque pela inovação no modelo de negócios, a Ticket tem investido nos últimos anos em projetos que ampliam sua área de atuação e trazem novidades tecnológicas. “Se continuássemos apenas no ramo de restaurantes, não seríamos mais líderes de mercado. O mercado competitivo força as empresas a mudarem”, fala Chicarino.

Entre as últimas apostas da empresa, está o Ticket Mobile, hoje desenvolvido em projeto piloto em São Paulo. Pelo mecanismo, restaurantes deliverys poderão levar às casas de seus clientes um celular, através do qual será possível fazer o pagamento da compra. Presente atualmente em 50 estabelecimentos de São Paulo, a previsão é que até o final do ano a ferramenta esteja disponível em cem locais. Em 2010, o projeto deve se expandir para mais quatro capitais do Sul e Sudeste.

“Receber esse prêmio é a realização de um de nossos mais importantes valores”, diz Chicarino. Entre as prioridades da empresa , os investimentos em inovação foram preservados em meio à crise econômica. ”O que fizemos foi desacelerar alguns projetos que iriam entrar com tudo nesse ano”.